XpK

20/11/2008

A bicicleta transparente

Filed under: Planeta — XpK @ 23:00

 

Bikes - Eduardo Srur

Bikes - Eduardo Srur

 

 

Feriado não emendado.

Minha esposa e filho aproveitaram de viajar, mas como eu trabalho na sexta, o jeito é juntar-me a eles apenas no sábado.

Pego a minha bicicleta e passo na Decathlon do Center Norte por alguns instantes, a bicicleta fica no bicicletário.
Pedalo para almoçar na casa do meu Pai, na ponte do Piqueri, aproveito de mudar de bicicleta e pego a dele para ir à farmácia e comprar antigripais para ele.
Pego a minha bicicleta novamente e vou até Marechal Deodoro, onde deixo a bicicleta.
Pego o ónibus até o Parque da Água Branca (R$ 2,30 bilhete único + feriado, pagando uma tarifa podem se fazer 4 viagens em até 8 horas).
Após conferir a feira em celebração do dia da consciência negra, pego o ónibus até a Praça Ramos.
Na Ladeira da Memória pego uma bicicleta do Metrô para ir até a Sé, onde a devolvo.
Dou uma esticadinha para comer iguarias na Liberdade, e volto à Sé onde pego novamente uma bicicleta.
Pedalo até Marechal Deodoro, onde devolvo a bicicleta do Metrô, e pego a minha.
Aproveito a integração com o Metrô (bilhete único), e por  R$ 1,35 embarco com a minha bicicleta da estação Marechal Deodoro até o Tucuruvi.
O dia começa a escurecer, passo na locadora, aproveitando o bicicletário, para pegar um filminho e pão na padaria.
Enquanto tomo um banho, com o chuveiro desligado, claro, reflito sobre a transparência da bicicleta.

Não saí para andar em bicicleta.
Saí para visitar lugares da cidade.

A bicicleta foi transparente.

Anúncios

16/11/2008

Pessoas Brilhantes e Felizes

Filed under: Planeta — XpK @ 20:04
Pessoas Felizes
Pessoas Felizes

Shiny happy people holding hands
Shiny happy people laughing…

Hoje, um grupo de ciclistas e alguns praticantes de Shintaido se encontraram na Zona Norte de São Paulo.

Treinando no parque
Treinando no parque

Conforme prometido, pedalamos, caminhamos, pulamos, gritamos, meditamos e logo curtimos um piquenique.

Mais que um encontro de ciclistas e praticantes de Shintaido, foi o encontro de cada um consigo mesmo, com o entorno, o céu, a terra e a espontaneidade da infancia.

À Meditação pela Exaustão
À Meditação pela Exaustão

Felizes e cansados, apreciamos cada respiração como uma saborosa iguaria.

06/11/2008

Ao Shintaido de Bicicleta

Filed under: Planeta — XpK @ 14:09

Finalmente vai rolar o piquenique no Horto Florestal (Parque Alberto Löfgren).

O Wilson vai pedalar conosco, e poderemos conhecer o Shintaido, fazendo alguns exercícios físicos/meditativos.

Wilson Motizuki

Wilson Motizuki

Combinamos no Metrô Tucuruvi para facilitar a quem venha de Bicicleta no Metrô.
Lógioco que isto não impede quem quiser vir apenas de bicicleta.
Pedalando do Metrô até o Parque são 6km.

O roteiro será este: http://www.bikely.com/maps/bike-path/Metr-Tucuruvi-Horto-Florestal

No parque não se pode andar de bicicleta, que deverá ficar presa no bicicletário na entrada.

Ah sim, para a parte piquenique, vamos cada um de nós levar algo para beliscar.

Extra!:
Um grupo vai sair, às 08:30 da Praça do Ciclista, rumo ao Metrô Tucuruvi
, o roteiro provável será:
http://www.bikely.com/maps/bike-path/Metro-tucuruvi

Atualização:

O bicicletário foi levado para fora das portas do parque, numa localização muito desfavorável. Segue matéria da Folha de SP descrevendo o novo local:
http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u465760.shtml

Blog no WordPress.com.